• Bowl

    Adocica: Bowl crocante com mousse de chocolate branco

  • Slider 2

    ADOCICA: BROWNIE DE STIKADINHO NO POTE

  • Slider

    Doces do Mundo: Churros

  • Slider

    DOCES DO MUNDO: DONUTS

A cor dourada, as pequenas ranhuras e o aroma de canela logo entregam: têm churros na área. Com exterior crocante (e doce e aromático) e interior macio (e delicado e saboroso), tornou-se um clássico dos parques de diversões – lembra verão, calor e súplicas infantis. Mas ele nem sempre pertenceu a esse contexto barulhento…

Pros espanhóis ficarem felizes: Vivendo no alto das montanhas, sem acesso a padarias e rede wifi, pastores nômades espanhóis usaram a criatividade, os ingredientes disponíveis e a fome para criar o churro. O que traz certa credibilidade a essa história é que existe uma raça de ovelhas na Península Ibérica chamada Navajo Churro, cujos chifres têm certa semelhança com: a) cachorro quente; b) hamburguer; c) donuts; d) churros.

Pros portugueses ficarem felizes: Enganam-se aqueles que pensam no churro como uma invenção espanhola. Nananinanão. Quando os portugueses seguiram para o Oriente, as descobertas gastronômicas não pararam nas especiarias e nas técnicas culinárias: a receita do youtiao, uma massinha salgada frita muito popular na China, viajou junto na mala. Como não poderia deixar de ser, os portugueses gordinhos adaptaram a receita e criaram a sua própria versão da guloseima, dando um toque de açúcar e o formato estriado.

Pros chineses ficarem felizes: 好奇!评论的博客,如果你得到了这个消息。后会有期!好奇!评论的博客,如果你得到了这个消息。后会有期!好奇!评论的博客,如果你得到了这个消息。后会有期!好奇!评论的博客,如果你得到了这个消息。后会有期!好奇!评论的博客,如果你得到了这个消息。后会有期!好奇!评论的博客,如果你得到了这个消息。后会有期!好奇!评论的博客,如果你得到了这个消息。后会有期!

A verdade é que, quando vocês está com uma  montanha de churros fumegantes na sua frente, não importa de onde eles vieram – mas sim para onde eles vão ir ;)

Churros (receita adaptada do blog A Cozinha Coletiva)

A massa

250g de farinha de trigo
1 colher (chá) de fermento químico
1 pitada de sal
2 colheres (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) de óleo
400ml de água fervente

A cobertura

4 colheres de açúcar refinado
1 colher de canela em pó

A calda

200g de chocolate meio amargo picado
200ml de creme de leite

Em um bowl grande, peneire a farinha de trigo e acrescente o fermento, o sal e o açúcar. Faça um buraquinho no meio e coloque o óleo e a água. Com uma colher grande, vá homogenizando a mistura, até que fique uma massa lisa e um pouco grudenta. Se você achar que ela está mole demais, acrescente um pouco mais de farinha; se ela estiver muito firme, coloque uns pingos de água.

Deixe descansar uns minutinhos (a massa, não você) e coloque no saco de confeitar com o bico pitanga. Esquente o óleo e faça o teste: se você aguentar deixar o dedo por 5 segundos dentro do óleo, ainda não está quente (sou hilária). Tá, sério: quando a temperatura alcançar 170°C, vá apertando a massa direto na panela, cortando com uma tesoura quando chegar no tamanho desejado. O tempo de fritura depende do tamanho escolhido: como fiz pequetititos, cerca de 3 minutos dão conta do recado. Passe pela misturinha de canela com açúcar e tente não comer tudo enquanto frita o resto (difícil, bem difícil).

Entre uma fritada e outra, prepare a calda: derreta o chocolate no microondas (mexendo de 30 em 30 segundos para não queimar) e misture com o creme de leite. Se quiser garantir um creme livre de bolotinhas indesejadas, esquente o creme de leite também: choque térmico evitado, creme liso e sedoso como resultado (nova categoria no blog: sonetos gastronômicos). Agora é só afundar os churros quentinhos no creme de chocolate e lamber os dedos açucarados.

OBS: O ataque cardíaco virá, mas terá valido cada mordida.

Dicas

1. Rechear? Que dá, dá. Dizem que é possível fazer isso com uma seringa, mas só acredito vendo. Na minha opinião, o recheio não é obrigatório (até porque, tendo uma calda separada pra mergulhar o churros, dá pra colocar cobertura à vontade #vaigordinha);

2. Churros pequenos são o máximo: bite size, é só mergulhar no molho e mandar pra dentro. São perfeitos para festas, podendo ser servidos dentro de saquinhos de pipoca;

3. Demorou muito pra comer? Dá uma leve esquentadinha no microondas que ele volta à deliciosidade inicial;

Fontes:

Huffington Post

Spanish Doughnuts

18 Responses to Doces do Mundo: Churros

  • Carolina Plentz says:

    Nousss, gordice extrema! *.*
    Tentarei fazer a receita o mais breve possível, tipo assim, hoje hahahahaa
    Btw, adorooo o blog! Parabéns ;D

    • Bárbara says:

      Carol, esses mini churros são amor! Faz que tu vai ver só :D Depois me conta o que achou ;) Ah, fiquei super feliz que tu curte o blog! Espero receber sempre tua visita por aqui! Beijo

    • Bárbara says:

      Oi, Barbara! A parte mais larga do bico tem cerca de 3cm, e o bico tem cerca de 1cm (mas fica tranquila, não precisa ser exatamente assim: é só usar o maior bico que tiver). Existem duas formas de fazer a massa do churros: uma é cozinhando ela (nesse caso, se chama massa choux, a mesma das bombas); a outra é dessa forma, que a massa cozinha na própria gordura. Espero tê-la ajudado! Beijos e volte sempre!

  • Amanda says:

    Bárbara, tenho a seguinte dúvida: há algum tempo peguei uma receita de churros no YouTube de um canal que costumo acompanhar e fazer as receitas. Fiz exatamente como mandava. Quando fui fritá-los, eles começaram a EXPLODIR dentro do óleo quente, sendo que foi tão feio que chegou a ficar com óleo no teto e na geladeira (que formou bolhas). A minha sorte foi que só respigaram algumas gotas no meu braço. A sua receita corre esse risco? Fiquei completamente traumatizada depois daquele dia, porém amo churros e gostaria de tentar de novo.

    Obrigada! Beijos

    • Bárbara says:

      Oi, Amanda! Nossa, essa é a história de churros mais traumática que já ouvi! Hehe. A massa ainda estava quente quando tu colocou no óleo? Talvez seja isso… Olha, dessa forma que eu fiz, não espirrou nadinha – inclusive o fogão ficou só com umas gotinhas pequenas de óleo. Me passa o nome do canal que eu dou uma olhada na receita e vejo se descubro o problema! Ah, e não desiste de fazer churros em casa, porque é bom demais :) Beijos!

      • Amanda says:

        Obrigada pela resposta :D

        Este é o vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=xqZ5iQNH_LI (é do Ana Maria Brogui)

        Como já faz algum tempinho, eu não me lembro se fiz com a massa quente ou se ela já tinha esfriado, mas fiz exatamente igual como manda no vídeo. Inclusive depois de ter feito e ter a péssima experiência, li alguns comentários falando que estavam explodindo também!!

        Beijos!

        • Bárbara says:

          Imagina, estou aqui pra ajudar :)) O processo que o Caio fez é diferente: ele cozinhou a massa primeiro (como se estivesse fazendo massa choux, aquela mesma da bomba). Provavelmente foi por causa disso, ou talvez a temperatura do óleo – não dá pra ter certeza. O que eu posso garantir é que, quando eu fiz essa receita, não deu problema algum :) Espero que dê certo pra ti e esqueça esse trauma hehe. Beijos!

      • Maurício says:

        Trabalho com churros e já tive problema de explosão do churros, mas foi por ter mudado uma das peças da modeladora do churros (máquina de churros). Normalmente a massa sai com um furo no centro para o recheio e com a peça invertida dentro da máquina, o furo não apareceu e depois de fritar bastante (a massa estava quente também) começaram as explosões, que mandaram massa quente e óleo para todos os lados, inclusive queimando minha mulher (graças a Deus sem maiores consequências).

  • nathalia jéssica says:

    UAU! Mulher to amando teu blog :o e q receita é essa, AMO DE PAIXÃO churros, vou fazer, sou otima na cozinha, e vou servi no chá de baby da minha irmã, os convidados vão piraar :)

    • Bárbara says:

      Nathalia, eu também amo churros de paixão! Ah, fiquei super feliz que tu gosta do blog! Espero que ele te ajude a ser melhor ainda na cozinha! Depois me conta como foi o chá de bebê da tua irmã! Beijos e volte sempre :))

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current [email protected] *