• Bowl

    Adocica: Bowl crocante com mousse de chocolate branco

  • Slider 2

    ADOCICA: BROWNIE DE STIKADINHO NO POTE

  • Slider

    Doces do Mundo: Churros

  • Slider

    DOCES DO MUNDO: DONUTS

Se tem uma coisa que me incomoda na culinária saudável é a tentativa de tornar alimentos já consagrados em uma versão triste e sem graça, glúten free, sugar free, lac free, sabor freeEu não sou a maior entusiasta de fritura do mundo, apesar de curtir uns churros de vez em quando, mas admito que sempre olhei com julgamento donuts assados. Quando viajei para o Canadá, comi donuts com os mais diversos sabores e formatos – recheados com maple, com cara de sonho, glaceados com chocolate, purinhos com café preto. Em comum, a gloriosa textura, o aroma imbatível de friturinha recém-feita, um sentimento de estar se presenteando com algo muito, muito delicioso – um sentimento meio Nigella, que encara o ato de comer com muita indulgência.

Quando vi essa receita no blog da Pat, o que me conquistou de cara foi a aparência: tinha jeito de gordice, quase não dava pra acreditar que era saudável (tá, também não é pra tanto haha). Deixei o preconceito de lado e fui pra cozinha desmistificar o tal do donut assado. E não é que eu amei?

Donuts assados recheados (receita levemente adaptada da linda Pat, do Technicolor Kitchen)

750g de farinha de trigo (+ extra para polvilhar)
140g de açúcar refinado
10g de fermento biológico seco
Raspas de dois limões sicilianos grandes
240ml de leite integral morno
80ml de buttermilk*
2 ovos grandes
2 colheres (sopa) de manteiga sem sal
24 quadradinhos de goiabada

Cobertura

80g de manteiga sem sal
100g de açúcar cristal
Raspas de 1 limão siciliano grande

Primeiro, ative o fermento. Em uma xícara pequena, coloque um pouco do leite morno, do açúcar e da farinha (pegue das quantidades já medidas) e o fermento. Deixe descansar em um lugar protegido, como o micro-ondas ou a guarita do segurança (super engraçado), até que fique todo gordinho. Enquanto ele cresce, ponha a farinha, o açúcar e as raspas de limão na batedeira. Em outra tigela, coloque a mistura do fermento, o leite, o buttermilk, os ovos e a manteiga derretida (ela não deve estar quente, pois pode talhar os ovos) e bata com um batedor de arames até homogeneizar. Faça um buraquinho no meio dos secos e despeje os líquidos. Ligue a batedeira em velocidade média e deixe-a fazendo o trabalho pesado por cerca de 5 minutos, usando o batedor com formato de gancho. A massa deve ficar elástica e lisa, não grudenta. Caso ela esteja pegajosa, acrescente farinha aos poucos, até que desgrude completamente. Claaaro que você pode fazer isso no muque, mas convenhamos que usar a batedeira nos economiza tempo e evita a fadiga. Faça uma bola com a massa e coloque em um recipiente grande, onde ela possa duplicar de tamanho. Cubra com plástico filme ou com um pano de algodão levemente úmido e leve por 1 minuto ao micro-ondas (dica genial da minha mãe – é ideal pra dar um empurrãozinho no crescimento da massa). Deixe descansando e crescendo por cerca de uma hora ou até que dobre de volume (ou seja, se joga no Netflix – já aproveito para sugerir a série documental Chef’s Table, genial para quem curte se aventurar na cozinha).

Depois da farra televisiva, tire o ar da massa e leve-a para uma superfície enfarinhada. Com paciência, abra-a até que ela se rasgue toda em várias partes fique com uma espessura de meio centímetro. Com um cortador de 8,5 centímetros (ou alguma coisa cortante e redonda que você tenha em casa, use a criatividade), faça 48 círculos de massa, amassando, abrindo e cortando todas as aparas até terminar. Coloque os pedaços de goiaba bem no centro de 24 círculos, cobrindo-os com os círculos restantes, apertando os cantinhos. Use um cortador menor (o meu tem 7cm) para cortar todos os donuts, selando as bordas. Use as aparas para fazer mais círculos, até que não sobre mais nada (aqui restou uma bolinha de massa, que eu recheei e assei e comi escondida). Coloque os donuts em assadeiras forradas com papel manteiga e leve para crescer dentro do forno levemente aberto, com a temperatura mais baixa possível – ou em um ambiente protegido de correntes de ar. Quando eles dobrarem de tamanho, coloque no forno pré-aquecido a 190ºC. Asse por cerca de 15 minutos ou até que fiquem douradinhos.

Pra deixá-los com uma aparência de gordice, eu sugiro que façam a cobertura. É simples: derreta a manteiga em um bowl e aromatize o açúcar com as raspinhas de limão em outro. Mergulhe metade do donut na manteiga e afunde-os na misturinha de açúcar. Acreditem: esse donut é tão convincente, que todos ficarão surpresos ao saber que ele não foi pra fritadeira.

*Dica que aprendi com a Pat: para fazer o buttermilk, coloque uma colher de sopa de suco de limão em uma xícara de 80ml (1/3 de xícara). Complete com o leite e, em 10 minutos, ele estará sorado e pronto para o uso.

One Response to Adocica: Donuts Assados Recheados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current [email protected] *